Queda de cabelo: Quais as principais causas e como evitar?

Os fios começaram a cair em tufos a cada lavagem? Não dá mais para pentear, porque isso significa deixar uma grande quantidade de cabelos no pente? Se você está passando por essa situação, saiba que há tratamentos e produtos disponíveis no mercado e que ajudam a combater a queda de cabelo. Visite a nossa loja virtual, pois somos especializados em contribuir para a saúde e a beleza masculina.

Descobrir o que está acarretando a queda de cabelo é essencial

Mas, afinal, por que os fios começam a cair? Além das condições hereditárias, que contribuem para a calvície precoce, há diversos fatores que podem estar relacionados à queda de cabelo. Embora perder fios seja natural, as perdas mais acentuadas podem revelar problemas de saúde.

Por exemplo: o excesso de estresse pode ser uma causa para a queda, seja esse mental ou físico. Mesmo que ele não seja a causa principal, ele tende a piorar os quadros de queda. Isso acontece porque o estresse compromete a circulação sanguínea e dificulta o desenvolvimento dos fios.

Além disso, o estresse aumenta a oleosidade dos fios e o desenvolvimento de caspas. Como consequência, há queda de cabelo. Transtorno emocional advindo de conflitos pessoais, como perda de familiares, desemprego e término de relacionamentos, são fatores, ainda, que contribuem para o aumento da queda.

excesso de vitamina A e B também pode aumentar o quadro de calvície, principalmente em pessoas que costumam ingerir suplementos, já que é raro o excesso natural dessa vitamina no corpo humano. Portanto, é imprescindível consultar um nutricionista ou um médico antes de passar a ingerir suplementos. E, caso haja a suspeita de excesso, um médico precisa ser consultado.

Alimentação saudável contribui para fios de cabelo mais fortes

alimentação saudável é outro fator que impacta na queda de cabelo. A falta de vitaminas, sais minerais e proteínas interferirá na qualidade dos fios. É por isso que refeições saudáveis e balanceadas ajudam a combater à queda de cabelo. Alimentos ricos previnem a queda, tais como laranja, cenoura, peixes, brócolis e lentilhas.

Algumas doenças, como a anemia, também são fatores que acabam gerando a queda. Como a doença geralmente é resultado da deficiência de ferro e da vitamina B12 no organismo, essa privação acarreta falta de nutrientes e oxigênio nos fios, fazendo com que eles se tornem quebradiços.

Por falar em doenças, quem toma medicamentos, a exemplo de antidepressivos, anticoagulantes e remédios para pressão alta, devem ficar em alerta, pois a queda de cabelo está dentre os efeitos colaterais. Caso haja suspeita, é necessário buscar informação médica.

Hábitos diários que evitam a queda de cabelo

A boa notícia, porém, é que a adoção de hábitos saudáveis pode contribuir para reverter esse quadro. Algumas ações são fundamentais, tais como:

 

  • Lavar os cabelos ao menos duas vezes por semana: embora não seja preciso fazer a lavagem todos os dias, é interessante manter um ritmo de lavagem, isso porque a oleosidade excessiva contribui para a queda. É necessário, ainda, enxaguar bem, já que a presença de resíduos gera oleosidade e, consequentemente, a queda.
  • Escolha produtos adequados: mesmo que os produtos não possam fazer milagre, os xampus e condicionadores contêm vitaminas que nutrem os fios, combatendo fungos. As loções também devem ser usadas por homens, como auxílio nutritivo aos fios.
  • Não esfregue o couro cabeludo com muita força: esfregar o couro cabeludo com muita força não traz nenhum benefício, muito pelo contrário. Mais oleosidade pode surgir. Assim, a dica é massagear as madeixas com suavidade.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?